Monthly Archives: Maio 2012

A “Lolita” de Benfica

Padrão

Vestido Pull&Bear

Devem estar lembradas do desafio que lancei a algumas das minhas “mulheres reais” (e amigas do coração) para me responderem a um questionário pequenino sobre moda e estilo. Desta vez vamos a Benfica conhecer mais uma rapariga gira.

A V. é alfacinha de gema. Crescer na capital tem as suas vantagens porque contactamos com um maior número de pessoas, de realidades, de tendências, o que fez com que cedo tivesse contacto com noções de estilo bem diferentes. Com o armário da mãe ali tão perto, a curiosidade era mais que muita e as brincadeiras com saltos altos foram experiência obrigatória. Curiosamente, anos mais tarde, teve de reaprender a andar nos ditos – e o corredor de minha casa ainda conserva bem vincadas as marcas dessa aventura… Ainda na infância, a veia DIY  – dos trabalhos manuais – despertava com os vestidos tricotados para as bonecas. Mais tarde, teve continuidade no estilo boho e hippie com que se identificava na juventude. Calças à boca de sino, muitos vestidos e flores no cabelo, tal qual a descrição da miúda que vai para São Francisco, na canção de Scott McKenzie – afinal, estávamos no rescaldo dos anos 70, que chegaram um pouco atrasados a Portugal, mas deixaram as suas marcas.

No meio artístico, onde trabalhou na área da make-up, a roupa confortável era um imperativo: horas de trabalho seguidas, deslocações e correrias, e uma ocasional sesta entre espetáculos ou mudanças de décor, não se compadeciam com um estilo “arranjadinho”. Assim sendo, calças de ganga (rasgadas), vestidos e os Converse Allstar eram os “uniformes” de serviço. O pragmatismo no calçado, aliás, já lhe deve ter valido alguns olhares de espanto: teve um trabalho em que a boa imagem era uma exigência, e isso implicava andar a calcorrear Lisboa toda “pipoca”, de blazer, vestidos e… Allstar nos pés! Quando chegava ao destino, tal e qual uma consumada New York girl, trocava de calçado. É ou não é uma rapariga fashion?

O bom senso também se revela na hora de preencher o guarda-roupa: a peça mais cara que adquiriu custou pouco menos de €40 euros, e só compra aquilo que precisa ou quer mesmo usar. Mas isso não faz do seu armário um deserto, bem pelo contrário: faz a reciclagem de peças e trocas de roupa com o (alargado) grupo de amigas – e o mesmo se passa com a roupa da sua filhota L. Aliás, o closet da minha B. deve muito às doações da L. (e aqui fica o agradecimento público). No departamento de calçado, diz que sente algumas dificuldades, uma vez que os ténis e as havaianas dominam o panorama. A minha sugestão? Um par ou dois de sabrinas, simples e confortáveis, que coordenam com tudo, seriam uma boa aquisição. Ou então, para o verão, um par neutro de alpercatas. Nunca falham!

Quanto a ícones de estilo, desde que viu pela primeira vez o videoclip de “Crazy“, dos Aerosmith (também um favorito meu), diz que se apaixonou pelo estilo rebelde e sexy de Liv Tyler e Alicia Silverstone. Diz mesmo que se as botas texanas viessem com ar condicionado de origem, era capaz de as usar o ano inteiro. E sempre com vestidos, claro! Em relação a marcas, e sendo adepta de um estilo confortável, casual, e com preços acessíveis, prefere as cadeias como a Bershka ou a Pull&Bear, mas diz que há muito tempo não as visita. E sim, acreditem no que eu digo, existem mulheres que não passam a vida a ver montras!

Nas ocasiões comemorativas, só tem uma palavra a dizer (já adivinharam, certo?): vestidos! De várias cores e feitios, porque a pele morena isso lhe permite. Aliás, se lhe fossem dados 5.000 euros para gastar, a V. tem uma ideia muito definida do seu destino: uns Allstar novos, calças de ganga e muuuuuuuiiiiittttttoooooos vestidos. A rapariga é de ideias fixas….
Até já!
PS – porquê Lolita? Porque a V., tal como todas as mulheres com coisas para dizer, tem um blog. Vão lá espreitar e percebem logo!
Créditos: Pull&Bear

Celebrity spy

Padrão

Calças com padrões em toda a parte!

E não é que as calças de padrão andam por aí à solta, todas catitas, e não há quem lhes escape? Ele é jovens adolescentes, ele é senhoras maduras, ele é celebridades aos pontapés… florais, tie dye, geométricos, you name it, they wear it! O L&L já tinha abordado o tema dos florais aqui, dos animal prints aqui, e cobiçou um padrão geométrico que já cá mora em casa, mas a tendência era ainda incipiente. Agora, pelo menos do outro lado do atlântico, há uma praga de pernas envolvidas em padrões – aqui, aqui e aqui (a usar as mesmas calças Paige Denim), são só alguns exemplos – e não há como detê-las. Será coisa grave?

Até já!

Crédito: redcarpet-fashionawards.com 

 

Patterns jeans are everywhere these days: florals, tye dye, you name it! Across the Altlantic, from young teenagers to heathy matrons, celebrities rock they’re pairs of colorful jeans in off duty looks, and Europe is catching up. Should we take this trend seriously? 

Porque amanhã celebramos as crianças…

Padrão
Porque amanhã celebramos as crianças…

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nada melhor que celebrar em estilo e com roupa nova! Fizemos mais uma daquelas pesquisas simpáticas e trazemos vários conjuntos para levar as nossas babies, sempre fashion, a passear. As mais velhas podem gostar muito de uma tarde no shopping, a ver montras, mas as mais novas querem é brincadeira e animação! Sugerimos destinos como o Jardim Zoológico, o Oceanário, ou então vão simplesmente até ao jardim – se as vossas forem como a minha, com escorrega e baloiços por perto, o dia está ganho!

Até já!

Créditos – Zara

A deusa dentro de nós…

Padrão
A deusa dentro de nós…

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em eventos mais festivos ou ocasiões especiais, mais românticas, todas as mulheres se querem sentir bonitas, especiais, únicas. Queremos ser “deusas” por um dia – ou uma hora. Sentir que somos o centro das atenções, com uma pontinha de vaidade, como se desfilássemos na passadeira vermelha. E todas temos direito a sentir isso, de vez em quando. Faz bem à alma – logo ao corpo – e ao ego, que muito sofre em tempos atribulados. Para as ocasiões em que temos de brilhar,  deixo-vos algumas sugestões para canalizarem a vossa deusa interior. Com o vestido certo, vão ver que ela aparece num instante.

Até já!

PS – algumas senhoras que desfilaram nos Globos, a semana passada, deviam tirar notas…

Créditos – todas as opções no Net-a-porter.com

Au revoir, Cannes!

Padrão
Au revoir, Cannes!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Lá terminou então a maratona (já focada aqui e aqui) de passadeiras vermelhas em que se transformou Cannes: por entre as festas a favor do Haiti, pela investigação do HIV, de apresentação de novos produtos de beleza ou linhas de jóias, os famosos lá tiveram tempo de dar algumas entrevistas, tirar fotos e – ver filmes! Ficam os últimos looks e a promessa de um “resumo da matéria dada”, lá mais para a frente.

Até já!

Créditos – RCFA