Monthly Archives: Setembro 2015

De volta a Nova Iorque…

Padrão
Va va vummmm - olá Adriana!

Va va vummmm – olá Adriana!

Nos últimos meses não me dediquei muito à laboriosa esquadrinhação (is that a word?) dos desfiles nas semanas da moda – falta de pachorra tempo, minha gente – mas fui-me mantendo a par e fazendo um browsing das melhores imagens – obrigada, Instagram! Mas ontem, ai ai…

Ontem abri fui forçada a abrir uma exceção: os bocadinhos que vi da nova coleção Marc Jacobs eram tão bons que me forçaram a ir ao Vogue.com e esquadrinhar as 62 imagens dos looks. E, pessoas, valeu TÃO a pena!

Primeiro, o cenário: teatro Ziegfeld, em Nova Iorque. Fachada iluminada e a frase “One night only”, com o hashtag #marcjacobspremiere (porque o mundo está cheio de #, certo?). Uma passadeira vermelha para exibir os convidados que chegavam, baldes de pipocas para os receber, meninas a vender cigarros e uma sala de espetáculos convertida em passerelle (com banda ao vivo). A escolha do local não foi por acaso: este teatro iniciou a sua carreira com os musicais, e é o único sobrevivente em Nova Iorque com apenas uma sala (um ecrã).

Segundo, as referências: numa clara homenagem às Ziegfeld follies, aos anos dourados do cinema americano, aos fantásticos (e quase circences) musicais da MGM, às grandes divas, e ao próprio público, ávido consumidor de tudo o que estivesse relacionado com espetáculo. Atirem-lhe um pouco de red, white and blue e… faça-se luz!

Tivemos lamés em profusão, cetins e tulles bordados, silhuetas cintadas, de ombros largos – hello, Katherine Hepburn – casacos de majorette com detalhes nos estampados e bordados que só de perto desmascaram o seu significado (o público com óculos 3D, Psico, os cisnes, as pipocas).

Na passerelle, para além das roupas, vimos desfilar a ex de Ronaldo (não usual estas andanças), a kardashian-que-por-acaso-é-jenner mais famosa do momento, e uma bomba-brasileira-que-também-é-anjo, num mix etnicamente muito mais diversificado que a habitual sucessão de quase-loiras-com-um-metro-e-oitenta a que as passarelles nos habituaram, e que já tinha sido criticada em semanas da moda anteriores.

Não sei se concordam mas, neste e noutros casos, sou da opinião que diferença é sempre bem-vinda! 😉

QUERO ESTE CASACO!!!

QUERO ESTE CASACO!!!

Até já!

Créditos: vogue.com

Talvez… Parfois?

Padrão

mochila

Coleções novas nas montras, e sem tempo de “bater perna” no shopping, apesar da chuva? Ora bem, aproveitem aquela hora morta entre a cozinha arrumada e o sono bater à porta e instalem-se confortavelmente em frente do teclado/ecrã mais próximos. Próxima paragem? Uma marca bem portuguesa, com origem no Norte do país, e com lojas nos 4 cantos do mundo, da Colômbia às Arábias… Não adivinharam ainda? Pois claro, a Parfois!

Com sede em Rio Tinto, estúdios em Barcelona, e uma equipa apostada em levar o design português a todo o mundo, a preços que todas as mulheres possam pagar, a marca é há anos paragem obrigatória das fashionistas portuguesas, a cada nova estação. A recente aposta no segmento do calçado foi mais uma forma de satisfazer as exigências da clientela que visita as lojas 1 a duas vezes por mês, pelo menos – assim indica um estudo recente feito pela marca. Não é por isso de espantar que continuem a crescer, apesar da crise económica.

Ficam algumas peças que tenho debaixo de olho para esta nova estação – e algumas prestes a esgotar! 🙂

Até já!

Créditos: Parfois.com

Vem aí o frio? Oh, yeah!!

Padrão
Casaco Stella McCartney, no Net-a-Porter

Casaco Stella McCartney, no Net-a-Porter

É oficial: a minha estação favorita é o Outono. Folhas de plátanos a cair, regresso às aulas (sou doida por cadernos a cheirar a novo), casaquinhos ou casacões de malha, e botas, senhoras, botas!!! No rescaldo da FNO – com descontos simpáticos mas nada que me incitasse a loucuras – e com os dias mais fresquinhos, aqui ficam algumas escolhas para os próximos meses. E sim, são quase todas para os pés. Cada qual é para o que nasce… 😉

Até já!