Monthly Archives: Julho 2013

Minnie Mouse shoes…

Padrão
Toms cor-de-rosa, às bolinhas brancas, em saldos na loja Office, na Amazon.

Toms cor-de-rosa, às bolinhas brancas, em saldos na loja Office, na Amazon.

A minha filha adora cor-de-rosa. Adorar é eufemismo: é quase obcecada. E a culpa é da Minnie Mouse, que também lhe merece grande reverência. Vestidos, sapatos, casacos: tudo é rosa. A colher para comer? Rosa. Os livros? Rosa. O lápis de cera para pintar o que quer que seja? Rosa. Com algumas incursões pelo roxo, a minha filha tem um problema de dependência. Estou a pensar no aconselhamento psicológico, mas dizem-me que os 3 anos são assim. Nada a fazer, é esperar que passe.

Nas recentes voltinhas pelos saldos on-line, por insistência da minha cunhada, andei a espreitar os Toms, uma marca solidária de calçado – por cada par que vendem, oferecem um outro a crianças necessitadas. E não é que este par fofinho apareceu, ainda por cima com desconto, na Amazon? Claramente, precisava de vir cá para casa. Comentário da B. quando abrimos a caixa: “Olha, mãe, sapatos da Minnie!!”. Aprovados, parece-me! 😉

Até já!

PS – na imagem não parece, mas são realmente rosa-choque! 🙂

Anúncios

É hoje!

Padrão
Saldos da Zara: online e nas lojas físicas.

Saldos da Zara: online e nas lojas físicas.

Começa hoje, oficialmente, a época de saldos, mas a emoção da data já não é o que era. A culpa? Chama-se crise. Nos “bons e velhos tempos”, quando as lojas vendiam os seus produtos durante todo o ano, e a bom ritmo, a época de saldos, bem definida por lei, servia para escoar os stocks que não se vendiam e preparar o armazém para as novas coleções. Os preços eram bons, os artigos de qualidade, faziam-se bons negócios, e todos saiam satisfeitos. A crise veio dar a volta ao paradigma, e os comerciantes, cada vez mais apertados, vêem-se na situação caricata de fazer “promoções” durante quase todo o ano, apenas para manterem os postos de trabalho – e as casas abertas. Lucro: pouco. Os negócios “da China” vieram fazer pressão nas carteiras mais vazias, mas a sua qualidade não se pode comparar. Muitos negócios nacionais não resistiram, infelizmente. E a procura do mais barato também acarretou outros problemas (lembram-se do Bangladesh?), mas a carteira fala sempre mais alto e é ela que manda na hora de comprar. Assim sendo – apesar de já não haver grandes achados – começam hoje os saldos. Divirtam-se!

Até já!

Antecipando Setembro

Padrão

kate-moss-vogue-september-issue-201111-cover

Toda a boa fashionista entende a comoção que as edições de Setembro provoca no mundo da moda: as revistas são montras reais do que se vai vestir na próxima estação, e os editores quem dita, praticamente, o que se vai ou não vestir, e o que marcas como a Zara ou a TopShop vão expor nas suas montras, dias depois. Assim sendo, há que vender revistas, e o que mais vende uma revista? A capa, claro!

O Fashionista.com já confirmou algumas das caras que vamos ver na edição de Setembro dos principais títulos americanos, e há um denominador comum: mulheres loiras (ou alouradas). Senão, vejamos:

VogueJennifer Lawrence, com o próximo “Hunger Games” para sair em breve, fotografada por Mario Testino.

Elle – Kate Upton, a loira curvilínea que anda a alvoroçar o mundo – extra-magro – da moda, e que já foi capa de várias publicações (incluindo a Vogue) fotografada por Carter Smith.

GlamourJennifer Aniston, que vende sempre bem, fotografada por Alexei Hei, um novato nestas andanças.

LuckyBlake Lively, que vendeu muito bem a Elle no ano passado, e vai tentar fazer o mesmo à revista que mudou recentemente a sua liderança para tentar dar a volta aos resultados menos bons deste ano.

Zooey Deschanel, Kristen Bell e mais uns quantos nomes também terão direito a capas (até os meninos dos One Direction, Deus Meu!); se tiverem curiosidade, sugiro que vejam mais aqui.

Até já!