Category Archives: Covers

Aleluia, chegou a silly season!

Padrão
Baby George!

Baby George!

A sério: chega Julho e as revistas cor-de-rosa trazem-nos as “famosas” em biquini, os casais que descasam e casam outra vez, o aniversário do príncipe George (coisa mai’ fofa), as fatiotas da (rainha) Letízia no seu primeiro mês de reinado, e outras pérolas do género. E uma pessoa, com tanta coisa para ver, e ler, e fazer (e saldos de 50% no Net-a-Porter), já não sabe para onde se virar. Assim sendo, um resumo:

A Blake Lively lançou um site de lifestyle que o nome “Preserve” (conservar). É suposto ser um projecto sobre moda, decoração, arte urbana, e até culinária, com entrevistas, fotos, curiosidades, loja on-line, tudo salpicad com escolhas pessoais da atriz. Sim, basicamente é uma confusão pegada. Em fundo negro. E as críticas não têm sido as melhores. Adiante.

Capa de revista com menos de 1 ano... :)

Capa de revista com menos de 1 ano… 🙂

O baby George fez 1 ano, e a festa de chá foi encantadora, diz quem esteve. O aniversário do pequeno príncipe teve até direito à capa da Vanity Fair de Agosto! Para mim, o que interessa mesmo são os macacões e as peças às riscas, bem giras, que esgotam em horas (herdou isso da mãe). Uma das sortudas foi a marca Rachel Riley, que se tornou (mais) conhecida no mundo. O puto foi um verdadeiro boost na economia inglesa, ouçam bem o que vos digo!

Imagem da campanha do Red Louboutin

Imagem da campanha do Red Louboutin

Imparável, Christian Louboutin lançou uma linha de vernizes que, como não podia deixar de ser, incluem “O” mundialmente famoso tom “vermelho (rouge) Louboutin”. Dizem que o produto é bom, e o frasco em si é quase um objecto de arte, em vidro facetado, com uma tampa que pode matar uma pessoa. Decididamente, não é candidato para levar em viagens de avião. E cheira-me que muita donzela vai gastar os 50 dólares (!!) do frasco a pintar as solas dos sapatos lá de casa…

Até já!

Créditos: Vanity Fair e Vogue

Anúncios

A capa pela qual esperávamos!

Padrão
Lupita Nyong'O na Vogue EUA

Lupita Nyong’O na Vogue EUA

A atriz de ascendência queniana, recém-chegada a Hollywood, foi rápida a conseguir a sua primeira capa da Vogue americana. Pudera, com as escolhas de red carpet que fez desde Janeiro, passou de novata do cinema a ícone de estilo (tirando o furo do baile do Met) num instante. E ela própria se sentiu arrastada no turbilhão da mudança, como afirma na entrevista que faz parte da edição de Agosto da revista de referência das fashionistas. Para conferir online ou numa loja de revistas da especialidade. Aproveitem e vejam as restantes fotos, captadas pela lente de Mikael Jansson, em Marraquexe. Valem bem a pena!

Até já!

Ela conseguiu!!!!!!!!!!!!!!!

Padrão
Kim e Kanye na Vogue de Abril

Kim e Kanye na Vogue de Abril

Depois de meses e meses a namorar a “rainha de toda a moda” Anna Wintour, o casal-sensação da cultura pop consegue a sua capa na Vogue americana, edição de Abril. E – digamos que – ficaram mesmo bem na fotografia! Vídeo do making-of aqui. Fotos da fantástica Annie Leibovitz.

Até já!

A Vogue e as Girls

Padrão
A atriz Lena Dunham na capa da Vogue US de Fevereiro (com camisa Burberry Prorsum)

A atriz Lena Dunham na capa da Vogue US de Fevereiro (com camisa Burberry Prorsum)

Todos os meses as capas de revistas “femininas” brindam-nos com caras bem maquilhadas (e “photoshopadas”) de modelos, apresentadoras e atrizes do panorama nacional e internacional, impecavelmente penteadas e vestidas com os últimos modelos de vestidos, casacos, saias, alguns saídos direitinho das passerelles para as mãos das editoras de moda. Por norma, as ditas senhoras são giras – de “mais ou menos” a “espetacularmente” – e também magras… com algumas exceções. E é aqui que entra Lena Dunham, a atriz/argumentista/realizadora da série “Girls”, um fenómeno nos EUA, que ainda não chegou à televisão portuguesa. Retratando a vida de quatro amigas na cidade de Nova Iorque, poderia até ser uma fórmula batida (Sex and the City, anyone?), mas o guarda-roupa simples – e até estranho – e as personagens anacrónicas, normais até, fizeram da série um êxito nas faixas etárias dos 20s e 30s, e de Lena Dunham uma presença habitual nas red carpets – e das capas de revista – sempre com o seu toque pessoal. Quem mais é que se lembraria de fotografar com Annie Leibovitz, em McQueen… e com um pombo na cabeça?

Lena Dunham, em McQueen - e um pombo...

Lena Dunham, em McQueen – e um pombo…

Até já!

Créditos: Vogue USA

Atualização 22 Jan: se querem uma amostra do talento da atriz (e dos editores da Vogue), vejam isto. 😉

Capas, para que vos quero?

Padrão
Elle americana, com Kate Upton

Elle americana, com Kate Upton

Estão 38ºC em Lisboa, e as montras pensam em Outubro. E já vêm atrasadas, porque as marcas já trabalham há meses para as coleções que começam a surgir, uma semana da moda dedicada ao verão do próximo ano está prestes a chegar e as revistas que ditam o que se irá vestir nos próximos meses estão a ser ultimadas desde Maio. Já vimos a Vogue – com Jennifer Lawrence, que terá bebido mais do que devia durante a entrevista – e a Elle britânica – com Katy Perry – faltam todas as outras, que o site Fashionista.com nos fez o favor de compilar. Para além das imagens, deixa-nos a informação do número de páginas publicitárias que cada uma encerra, o que é sintomático quando se fala que a imprensa escrita está a morrer; talvez noutras áreas. No que diz respeito a moda, definitivamente, não: a Vogue americana tem para cima de 600 anúncios de página inteira, e as outras revistas questionadas também não se queixam da vidinha. Ainda bem!

Capa da Vogue inglesa, com a modelo Daria Werbowy

Capa da Vogue inglesa, com a modelo Daria Werbowy

Assim sendo, deixo-vos as imagens dos números que me interessam. Todas as outras podem espreitar aqui.

Capa da revista Lucky, com Blake Lively

Capa da revista Lucky, com Blake Lively

Harpers' Bazaar com a -sempre espetacular - SJP

Harpers’ Bazaar com a -sempre espetacular – SJP

Até já!